Liberdade de expressão não pode ser confundida com apologia ao crime, notícias falsas (fake news), ataques à democracia e golpes contra as instituições e o Estado Democrático de Direito.

Miguel Torres*

Portanto, expressamos solidariedade e apoio ao ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, e reforçamos nossa defesa da Constituição brasileira e da soberania nacional.

Vale lembrar que o ministro Moraes ordenou que o X (ex-twitter) não desobedeça decisões judiciais do Brasil e determinou que o bilionário Elon Musk, dono do X, seja incluído nas investigações sobre as milícias digitais que disseminam informações e discursos de ódio (com o objetivo de minar as instituições e a democracia) e sobre o 8 de janeiro, que investiga a tentativa de golpe no Brasil, em 2023 por apoiadores do ex-presidente da República.

Para cada perfil, bloqueado pela Justiça brasileira, que Musk reativar irregularmente, haverá multa de R$ 100 mil. “Redes sociais não são terra sem lei! As redes sociais não são terra de ninguém”, disse muito bem o ministro do STF em sua decisão.

Neste contexto, esperamos que a sociedade brasileira, progressista, democrática, humanista e bem-informada, também repudie as ameaças feita pelo bilionário do X, as fake news e as tentativas de golpe contra a democracia brasileira.

Nós, do movimento sindical brasileiro, estamos fazendo a nossa parte em relação aos trabalhadores e trabalhadoras que representamos em todo o País, debatendo e divulgando somente os fatos verdadeiros, inclusive os que apontam, em cenário de retorno do diálogo social: a retomada do desenvolvimento econômico com distribuição de renda, geração de emprego e políticas públicas de inclusão social.

A Luta faz a Lei!

(*) Presidente da Força Sindical, da CNTM e do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo e Mogi das Cruzes

DIAP

https://diap.org.br/index.php/noticias/artigos/91774-apoiamos-alexandre-de-moraes-contra-ameacas-de-musk