Banco Central voltou a dizer que vai continuar subindo a Selic na próxima reunião do Copom, em junho, mas em menor magnitude

O Banco Central destacou na ata do Copom (Comitê de Política Monetária) divulgada nesta terça-feira (10) o impacto da gasolina na inflação e que os diretores da instituição debateram na reunião porque as projeções do mercado para a alta de preços é mais pessimista do que as da autoridade monetária.

O Copom decidiu na última quarta-feira (4) elevar a Selic em 1 ponto percentual, para 12,75% ao ano, e já havia sinalizado no comunicado divulgado logo após a reunião que continuaria a subir a taxa básica de juros, mas em menor magnitude. Essa sinalização foi mantida na ata divulgada hoje.

Correio Braziliense

https://www.infomoney.com.br/mercados/ata-do-copom-reuniao-de-maio/