A presidente da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, a democrata Nancy Pelosi, anunciou nesta terça-feira (24) a abertura de um processo de impeachment contra o presidente Donald Trump. 

 
O mandatário norte-americano é acusado de ter pressionado o presidente ucraniano, Vladimir Zelensky, durante um telefonema em 25 de julho, a investigar Hunter Biden, filho do ex-vice-presidente Joe Biden, que integrou o conselho de uma empresa de gás ucraniana.

A ação de Trump é vista como uma tentativa de interferir nas eleições presidenciais de 2020, já que Joe Biden é tido como o principal nome a concorrer pelo Partido Democrata.

Segundo Pelosi, "as ações da presidência de Trump revelaram o fato desonroso da traição do presidente por seu juramento, traição à nossa segurança nacional e traição à integridade de nossas eleições".

"Portanto, hoje estou anunciando que a Câmara dos Deputados está avançando com um inquérito oficial de impeachment", afirmou Pelosi.

A presidente da Câmara ainda destacou que a atitude de Trump "é uma quebra da Constituição [norte-]americana". "O presidente precisa ser responsabilizado. Ninguém está acima da lei", disse.
Vermelho