Dólar subiu 22% no ano com o real afetado por uma série interminável de escândalos políticos, aumento dos níveis de endividamento e nível de carry baixo