CONFUSÃO AO VIVO

Por 

O jornalista Glenn Greenwald, do site The Intercept Brasil, foi agredido nesta quinta-feira (7/11) pelo comentarista político Augusto Nunes, da Jovem Pan, durante sua participação no programa "Pânico". O momento em que o norte-americano tomou um tapa no rosto foi transmitido ao vivo pelo canal da Jovem Pan no Youtube.

Agressão ocorreu durante programa "Pânico"
Reprodução/Youtube

A discussão começou após Glenn confrontar Nunes sobre um comentário feito no início de setembro durante o programa "Os pingos nos Is". Na ocasião, Nunes questionou a forma em que o jornalista do Intercept e seu marido, o deputado David Miranda (PSol-RJ), criam os filhos. 

“O que ele disse neste canal da Jovem Pan foi a coisa mais feia e mais suja que já vi na minha carreira como jornalista [...] Ele disse que um juiz de menores deveria investigar nossos filhos e decidir se vamos perder nossos filhos, se eles deveriam voltar para o abrigo, com base nenhuma, acusando que estávamos abandonando e fazendo negligência com nossos filhos”, afirmou Glenn. 

Segundo Nunes, o comentário foi irônico. “Convido ele a provar em que momento eu pedi que algum juizado fizesse isso. Eu disse apenas que o companheiro dele passa o tempo todo em Brasília e ele passa o tempo todo lidando com material roubado. Eu falei: quem vai cuidar dos filhos? Era isso”, disse o comentarista. 

Após a resposta, Nunes foi chamado de “covarde” e revidou dando um tapa no rosto do jornalista do Intercept

“Quem cuida da criança?”
O comentário que originou a discussão foi feito por Nunes durante um programa da Jovem Pan veiculado no início de setembro. Na ocasião, o comentarista de fato afirmou que um juiz deveria investigar o modo em que Glenn e David criam seus filhos. 

“É o seguinte. Eu tava pensando nesse casal. O Glenn Greenwald passa o dia todo dando chiliques no Twitter, ou trabalhando como receptador de mensagens roubadas. Esse David fica em Brasília lidando com rachadinhas, que essa é a suspeita, que isso dá trabalho.... Quem é que cuida das crianças que eles adotaram? Isso aí um juizado de menores deveria investigar”, afirmou Nunes na ocasião. 

O comentarista é um ferrenho crítico da "vaza jato", série de reportagens publicados pelo Intercept que revelou o conteúdo de mensagens trocadas entre integrantes da força-tarefa da "lava jato" e o então juiz Sergio Moro. Por isso, o programa desta quinta foi anunciado pela rádio como o “dia da treta”. 

Glenn afirmou que não havia sido informado pela Jovem Pan de que Nunes estava entre os convidados do programa.

Confira o momento da agressão:

 

 é repórter da revista Consultor Jurídico.

Revista Consultor Jurídico