Imprimir PDF

Brics estuda criar agência de classificação de risco

 

 

De acordo com aAgência O Globo, a iniciativa do bloco vai no sentido de reduzir os custos dos empréstimos, que seriam excessivamente altos por causa das avaliações das três grandes agências do setor – Standard & Poor’s, Fitch Ratings e Moody’s –, que controlam mais de 90% do mercado. A ideia é então fundar uma companhia concorrente, com uma estrutura de tarifas diferente. 

“A criação de uma agência de classificação de risco que não depende da receita dos clientes que querem que sua dívida seja analisada ‘está sendo discutida ativamente’, disse Yaduvendra Mathur, presidente do conselho e diretor administrativo do Eximbank da Índia, por telefone em meados de junho. O credor financiado pelo governo é parte das tarefas de uma equipe de trabalho que estuda a viabilidade de uma nova agência de classificação de risco antes da próxima cúpula dos Brics, marcada para outubro.”, publicou O Globo. 

As três maiores agências de classificação de risco têm recebido reiteradas críticas à sua credibilidade, pelos repetidos erros que vêm cometendo. Deram, por exemplo, notas máximas às dívidas de alto risco que terminaram por desencadear a crise financeira de 2008. 



Fonte: Vermelho, 28 de junho de 2016



FETRACONSPAR - Federação dos Trabalhadores nas Industrias da Construção e do Mobiliário do Estado do Paraná
Rua Francisco Torres, 427 - Centro - Cep. 80060-130 | Curitiba - Paraná | Brasil

Fone: (41) 3264-4211 | Fax: (41) 3264-4292 | Email: fetraconspar@fetraconspar.org.br